Showcase Campanha

Setúbal no Mundo

O nome de Setúbal, bem como as marcas, os locais e os produtos associados à região têm vindo a ser reconhecidos um pouco por todo o Mundo. São já várias as distinções atribuídas a nível internacional em áreas como a vitivinicultura, a gastronomia ou as belezas naturais.

Vinhos

No que respeita à produção vinícola, os prémios obtidos fora de portas pelo famoso Moscatel de Setúbal atestam bem a qualidade deste néctar produzido na região.

O crítico norte-americano Robert Parker, uma das vozes mais influentes no setor, atribuiu em 2010 nota máxima, cem pontos, ao Moscatel de Setúbal de 1947, produzido pela empresa José Maria da Fonseca. Além da nota máxima atribuída, a mesma empresa foi premiada pelas produções do Moscatel de Setúbal 1902 (97 pontos), Moscatel Roxo 1909 (95 pontos) e do Periquita Reserva 1980 (89 pontos). Foram, sem dúvida, excelentes notícias num ano em que a José Maria da Fonseca completou o 175.º aniversário.

Mas as distinções não terminam por aqui. Outra das principais produtoras da região, a Bacalhôa Vinhos também consta dos galardoados. O Moscatel de Setúbal 1999 foi distinguido com o International Fortified Muscat Trophy, o nível mais elevado na atribuição de prémios no que respeita ao campo dos vinhos já laureados com uma medalha de ouro. Estes vinhos são provados, novamente, por um grupo de elite de juízes que se decidem pela atribuição ou não daquele troféu aos vinhos já contemplados com o ouro. Em 2010, 111 vinhos dos mais variados países como França, Japão, Itália, Nova Zelândia e Portugal foram distinguidos com um Trophy, o galardão máximo do mais prestigiado e influente concurso independente de vinhos.

Destaque também para a adega Venâncio Costa Lima que com o seu Moscatel de Setúbal conquistou um lugar entre os dez melhores moscatéis do Mundo, no concurso Muscats du Monde que avaliou 206 vinhos elaborados exclusivamente com a casta Moscatel. Em 2010, além da medalha de ouro conquistada com o Moscatel de Setúbal DOC, a casa Venâncio Costa Lima obteve a medalha de prata, no Challenge International du Vin, com o Moscatel Reserva 2003, vinho premiado com o grau prestígio no Concurso Nacional de Vinhos.

Os tintos da região não se ficam atrás. A Cooperativa Agrícola de santo Isidro de Pegões venceu, com o vinho Adega de Pegões Touriga Nacional 2008, a Medalha de Ouro e o prémio do Melhor Vinho de Portugal no prestigiado concurso mundial International Wines&Spirits Competition, realizado anualmente em Londres. A Cooperativa conseguiu, ainda, quatro medalhas de prata e outras tantas de bronze com vinhos diversos como o Fonte do Nico Light ou o Adega de Pegões Colheita Selecionada (branco e tinto). Destaque, ainda, para o Alicante Bouschet 2008 que obteve a Grande Medalha de Ouro no Concurso Mundial de Bruxelas.

Gastronomia

Os êxitos dos produtos e marcas da região de Setúbal são transversais a várias áreas. Na da gastronomia, por exemplo, o realce vai para a inclusão do nome de Setúbal no livro do Guiness. Em maio de 2010, Setúbal apadrinhou o recorde mundial de um produto de mar cozinhado ao ar livre. Cerca de 25 mil pessoas participaram, no largo José Afonso, na maior sardinhada do Mundo, onde foram consumidos 6340 quilos de peixe. O evento, em que foram gastos mais de três toneladas de carvão e utilizado um fogareiro com cem metros de comprimento, durou perto de oito horas. O recorde anterior pertencia aos Estados Unidos da América, mais precisamente à cidade de Miami, onde a fasquia havia sido colocada em 5810 quilos de produto de mar cozinhado ao ar livre.

Concursos

A nível nacional Setúbal também marca pontos. O Portinho da Arrábida foi considerado uma das 7 Maravilhas Naturais de Portugal. Num concurso em que concorriam as principais belezas naturais de Portugal, o Portinho da Arrábida foi um dos vencedores anunciados numa cerimónia realizada nos Açores e que pretendeu mostrar toda a diversidade paisagística do país.

Marcas

No campo do desporto e da moda Setúbal também não passa despercebido aos olhos do Mundo. A marca Prada dedicou, na sua nova coleção de sol primavera/verão, uns óculos à cidade de Setúbal. Os óculos referentes a Setúbal são totalmente em material negro, com um design retro e lentes coloridas. Nesta coleção, Setúbal aparece ao lado de cidades como Milão, Los Angeles, Manhattan, Paris e Londres.

Ainda na área de acessórios visuais, mas ligados ao desporto, o destaque vai para o designer setubalense João Ferreira que foi premiado pela conceção gráfica dos óculos de neve da Adidas, utilizados pela equipa do Reino Unido nos Jogos Olímpicos de inverno.

Brand-Showcase-2009-2015-25

Brand-Showcase-2009-2015-24Brand-Showcase-2009-2015-23Brand-Showcase-2009-2015-5Brand-Showcase-2009-2015-2Brand-Showcase-2009-2015-3 Brand-Showcase-2009-2015-4Brand-Showcase-2009-2015-8 Brand-Showcase-2009-2015-6 Brand-Showcase-2009-2015-7Brand-Showcase-2009-2015-10 Brand-Showcase-2009-2015-9Brand-Showcase-2009-2015-12 Brand-Showcase-2009-2015-11Brand-Showcase-2009-2015-14 Brand-Showcase-2009-2015-13Brand-Showcase-2009-2015-19 Brand-Showcase-2009-2015-15 Brand-Showcase-2009-2015-16 Brand-Showcase-2009-2015-17Brand-Showcase-2009-2015-22 Brand-Showcase-2009-2015-20 Brand-Showcase-2009-2015-21 Brand-Showcase-2009-2015